quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Nesta quinta, ato no RJ contra leilão do petróleo



O governo prepara o 9º leilão do petróleo, que signfica entregar para conglomerados internacionais áreas que podem ser exploradas pela Petrobrás. Após o anúncio da descoberta das reservas petrolíferas do campo Tupy, na bacia de Santos, o governo anunciou o cancelamento da venda de 41 lotes, mas outros 270 continuam em oferta. O leilão está previsto para ocorrer dias 27 e 28 no Rio de Janeiro.
Contra essa venda do patrimônio nacional, a CUT, FUP (Federação dos Petroleiros), UNE, MST e demais entidades que compõem a Coordenação dos Movimentos Sociais (CMS) convocam ato nesta quinta, dia 22, a partir das 17h, na Candelária, no Rio de Janeiro.
Este blog estará cobrindo a manifestação.
Postar um comentário