segunda-feira, 31 de julho de 2017

NESTA TERÇA, ATO NA CÂMARA CONTRA A PRIVATIZAÇÃO DA CIDADE





Movimentos sociais, sindicais, partidos políticos e coletivos, artistas e intelectuais, integrantes do Fórum suprapartidário em Defesa da Cidade realizam nesta terça-feira (1.ago.2017), ato contra política privatista comandada pelo prefeito João Doria. A atividade acontece em frente à Câmara de Vereadores (Viaduto Jacarei, 100), a partir das 14 horas. 

João Doria conseguiu aprovar em primeira votação dois projetos que privatizam o patrimônio público da cidade. O PL 364/2017 concede o Pacaembu para iniciativa privada e o PL 367/2017 que envolve o sistema de bilhetagem (Bilhete Único), mercados e sacolões municipais, parques, praças e planetários, pátios de estacionamento de veículos, o sistema de compartilhamento de bicicletas e o mobiliário urbano municipal. 



Ambos projetos estão previstos para serem votados em segundo turno em agosto.

Chama a atenção no projeto a completa ausência de considerações sobre qualquer interesses público e social nessas privatizações. Fica claro que o plano não tem como eixo a melhoria, universalidade e equidade no atendimento ao cidadão e sim a transferência de patrimônio e equipamentos públicos para a iniciativa privada, sob o argumento genérico de que podem ser melhor exploradas por ela. Convenhamos que de exploração a família Doria, antigos senhores de escravos, conhece bem.  



Postar um comentário