segunda-feira, 15 de setembro de 2008

CUT debate energia, desenvolvimento e soberania nacional

A CUT Nacional promove nos dias 18 e 19, em São Paulo, um seminário nacional para debater e aprofundar o tema energia sob a ótica da soberania e do desenvolvimento. Este blog estará cobrindo o evento
Ao longo de anos, o processo de globalização fez com que os Estados nacionais perdessem sua capacidade de gerar, controlar e executar uma série de políticas de suporte ao desenvolvimento econômico, de inclusão social com a geração de emprego e renda e valorização do trabalho. Para que o crescimento econômico atenda aos interesses de toda a sociedade é fundamental que seja implementado um projeto de desenvolvimento. Para que isto ocorra num ambiente democrático, é importante que o Estado seja fortalecido e ampliados os espaços de participação social nas diversas instâncias decisórias.
O setor de energia é considerado um dos mais relevantes para a sustentação do ritmo de crescimento em longo prazo. O potencial das últimas descobertas de petróleo no país motiva esse debate sobre o modelo de exploração das reservas e o destino a ser dado aos recursos.
Dada a necessidade de que a matriz energética mundial contemple fontes renováveis e não poluentes de energia, que não venham a agravar a fome no mundo e o aquecimento global do planeta e que o Brasil, por seu potencial energético, por sua posição geográfica, pela disponibilidade de terras agricultáveis e pelo domínio da tecnologia desempenhará papel de destaque neste cenário
A CUT pretende, com esse evento, formular estratégias para que os trabalhadores possam intervir na disputa de modelos de desenvolvimento, sob a ótica do desenvolvimento sustentável.
Postar um comentário