terça-feira, 9 de outubro de 2007

CSC faz coletiva para anunciar saída da CUT

Coube ao vice-presidente da CUT, Wagner Gomes, anunciar oficialmente o que todos já sabem: a saída da Corrente Sindical Classista (CSC) da CUT e a fundação de uma central sindical própria. O anúncio será feito em uma entrevista coletiva dia 15 de outubro, às 15h, na sede do Sindicato dos Marceneneiros de São Paulo (Rua das Carmelitas, 149, centro de São Paulo).
Wagner, eleito recentemente presidente do Sindicato dos Metroviários de São Paulo, é um dos nomes mais fortes para assumir a presidência da nova entidade, apesar de ele negar, assim como não quis assumir publicamente sua posição em relação à saída da sua corrente da CUT. O mineiro Gilson Reis corre por fora na disputa pela presidência da Central, que deverá ser fundada em dezembro.
Postar um comentário