sexta-feira, 13 de junho de 2008

Pitta condenado

O ex-prefeito Celso Pitta (PTB), o secretário de Comunicação de sua gestão, Antenor Braido, e o publicitário Duda Mendonça foram condenados pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a devolverem R$ 1,294 milhão à Prefeitura. O valor se refere a gastos com a divulgação do “quarto turno” do Programa de Saúde (PAS), feito de forma irregular em período eleitoral. A ação civil pública foi impetrada pelos médicos Célio Levyman e Tito Nery e pelo radialista João Carlos Roxo. “Foi uma ação demorada, mas fico feliz que tenha chegado ao final e os cofres públicos possam ser ressarcidos”, afirmou Dr. Tito
Postar um comentário