quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Redução da jornada

Dia 11 de fevereiro começam os trabalhos legislativos no Congresso Nacional e nesse mesmo dia a as centrais estão programando uma série de manifestações para avançar a proposta de redução da jornada de trabalho sem redução de salários. O presidente da Câmara Federal, Arlindo Chinaglia (PT-SP) afirmou em entrevista à rádio CBN que irá instalar uma comissão especial para debater o tema.
Em janeiro, as centrais lançaram, na sede da CUT Nacional, a campanha que pretende angariar um milhão de assinaturas para o projeto popular que prevê a redução da jornada de trabalho.
Postar um comentário