segunda-feira, 1 de junho de 2009

Movimento sindical faz ato no Congresso na abertura da CPI da Petrobrás

Nesta quarta-feira, dia 3/6, as centrais sindicais - CUT à frente - promovem a chamada "ocupação pacífica do Congresso Nacional", em Brasília, data da instalação da CPI da Petrobrás. O movimento sindical tem promovido diversas manifestações nas capitais para chamar a atenção da população sobre o uso da CPI da Petrobrás para privatizar as reservas do pré-sal e enfraquecer a empresa com vistas à sua futura privatização, em caso de vitória do tucanato nas eleições presidenciais do próximo ano.
Já ocorream manifestações no Rio de Janeiro (21/5) e no Rio Grande do Norte (26/5). Neste 2/6 ocorre em Curitiba e no dia 11, em Manaus.
Em nota, a Executiva Nacional da CUT destaca que "neste momento é fundamental a unidade do movimento sindical e social em defesa da Petrobrás e do patrimônio público nacional, portanto vamos juntos ampliar a defesa do nosso petróleo e do gás contra os que querem destruir a imagem da empresa, paralisar os investimentos e, com isso diminuir o ritmo do desenvolvimento do país".
A CUT espera a presença de cerca de 300 pessoas no ato em Brasília. De São Paulo, o Sindicato Unificado dos Petroleiros enviará dois ônibus com manifestantes para participar do ato.
Postar um comentário